Santo Tirso

Negócios | Maior entreposto do Lidl em Portugal nasce em Santo Tirso

Negócios | Maior entreposto do Lidl em Portugal nasce em Santo Tirso

Pub

 

 

 

É o maior entreposto do LIDL em Portugal e começou a nascer em Santo Tirso, na Zona Empresarial da Ermida. Tem 48 mil metros quadrados, o equivalente a cinco campos de futebol, e representa um investimento de 70 milhões de euros. No lançamento da ‘primeira pedra’, que decorreu na passada semana, o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Joaquim Couto, lembrou a aposta da autarquia na captação de investimento. “Este projeto é um dos maiores investimentos de sempre realizados no Município”, enfatizou. Esteve também presente João Torres, Secretário de Estado da Defesa do Consumidor.

 

 

A cadeia alemã de supermercados LIDL está a deslocar o centro de distribuição e logística e o armazém de congelados, em Vila Nova de Famalicão, para o concelho vizinho de Santo Tirso. Fruto deste investimento, a empresa aposta não só na inovação e sustentabilidade – contará com um armazém semi-robotizado, energias renováveis (painéis solares) e gestão inteligente da iluminação (garantida através de sensores), bem como câmaras de frio com um sistema de arrefecimento concebido, na sua generalidade, com gases/fluidos naturais que minimizam os efeitos nocivos para a camada do ozono -, como prevê melhores condições de trabalho para os colaboradores assim passando a ter “capacidade para chegar a mais de 100 lojas”, garante o diretor geral do Lidl Portugal para a Região Norte, Hélder Rocha, sendo que o “alcance atual se situa nas 77”. Este investimento surge na sequência do empenho da empresa em conseguir, em Portugal, continuar a levar aos portugueses produtos de qualidade ao melhor preço, de acordo com uma estratégia de proximidade e simplicidade para com os seus clientes. Nesta obra, que marca o desenvolvimento de uma nova zona industrial a Norte, fundamental para a comunidade, o Lidl privilegiará o trabalho com fornecedores locais durante a edificação do projeto.

“Estamos muito orgulhosos pelo facto de o Lidl ter escolhido Santo Tirso para o novo entreposto e, acima de tudo, pelo facto de reconhecerem que o acompanhamento que a Câmara Municipal fez de todo este processo foi decisivo para a decisão”, sublinhou Joaquim Couto.

Presente na cerimónia de lançamento da primeira pedra da empresa, o secretário de Estado da Defesa do Consumidor, João Torres, enalteceu também o trabalho realizado pela Câmara, nomeadamente pelo facto de ter criado uma zona privilegiada para o investimento e desenvolvimento de empresas. À margem da cerimónia de lançamento de ‘primeira pedra’ deste novo entreposto do Lidl Portugal, João Torres adiantou ainda que “o setor do comércio é um dos mais relevantes na economia nacional e que empresas como o Lidl têm impulsionado e modernizado o setor, levando-o a assumir posições de liderança ao nível da inovação e da incorporação de tecnologia”, como é o caso deste novo centro logístico. O responsável do governo saudou o Lidl pela sua “relevante presença na economia portuguesa, há 23 anos, não só do ponto de vista económico, sendo detentor de mais de 250 lojas e 4 entrepostos, mas também do ponto de vista da sustentabilidade ambiental e da responsabilidade social no âmbito da sua atuação”. João Torres referiu também que a promoção da produção nacional, a revitalização do comércio local e de proximidade, bem como a transição para uma economia circular, são princípios basilares da politica pública do XXI Governo Constitucional para os sectores do comércio e dos serviços, registando com muito agrado o papel do Lidl nesta matéria e nestes pilares.

Na Zona Empresarial da Ermida, segundo revelou Joaquim Couto, só nos últimos cinco anos houve um investimento superior a 105 milhões de euros, correspondendo à criação de cerca de 300 novos postos de trabalho. Para apoiar a instalação de novas empresas, “a Câmara de Santo Tirso investiu mais de 3,5 milhões de euros quer através infraestruturas e acessibilidades quer através de benefícios fiscais”.

Projeto piloto

O autarca anunciou ainda que a Zona Empresarial da Ermida vai integrar um projeto piloto a nível nacional de instalação de uma subestação da EDP que irá permitir “melhor a qualidade e fiabilidade no fornecimento de energia elétrica às empresas”. “Trata-se de uma situação excecional e uma referência a nível nacional, uma vez que seremos a única cidade que não é capital distrito com uma subestação de qualidade A+”, apontou, acrescentando que esta ação reflete “o empenho da Câmara Municipal no apoio às empresas e resposta às suas necessidades”.

Por outro lado, continuou, este projeto piloto “permitirá ter uma competitividade acrescida, porque no mundo global apresentar esta área como tendo qualidade A+ é um acrescento face ao contexto regional e nacional”.

Também o novo entreposto do LIDL será amigo do ambiente, de acordo com Hélder Rocha. Nesse sentido, terá painéis solares e será um edifício que respeita os princípios da eficiência energética. Ainda segundo o diretor geral do LIDL, o novo equipamento estará concluído dentro de um ano.

Com uma área de 48.000m2, o equivalente a 5 campos de futebol, e uma localização próxima do atual entreposto, o futuro centro logístico do Lidl Portugal integrará 100% dos atuais recursos humanos, garantindo-lhes infraestruturas com mais qualidade, espaço e conforto. A estrutura está projetada para oferecer mais luz natural, as zonas sociais serão mais modernas e espaçosas, estando também assegurado o conforto dos motoristas em salas reservadas com condições específicas.

De acordo com Hélder Rocha, este investimento irá permitir ” incrementar a capacidade de armazenamento para 55mil paletes e de permitir um movimento mais eficiente de mercadoria com mais de 90 cais no novo edifício”.

 

Fontes: Município de Santo Tirso e Lidl Portugal

 

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à sua manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983404

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Economia

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.