Maria do Rosário Oliveira

Leitura | A Importância do Livro na Primeira Infância

Leitura | A Importância do Livro na Primeira Infância

 

 

A leitura começa muito antes de as crianças saberem ler, por isso os livros devem fazer parte, desde cedo, do contexto infantil e familiar das crianças. É desde o berço que se formam os leitores porque o desenvolvimento de competências literárias e literácitas pode (e deve) iniciar-se muito antes da entrada da criança no ensino formal. Todo o contexto, quer familiar, quer educativo da criança deve proporcionar-lhe oportunidades que lhe permitam o contacto com a obra literária. Essas experiências agradáveis com a literatura devem ser convenientemente planeadas de modo a desenvolverem na criança uma atitude positiva e de prazer pelos livros e pela literacia.

“O livro tem um lugar importante na vida da criança e no seu desenvolvimento, porque desempenha um papel simultaneamente educativo, recreativo e cultural. O livro é uma fonte de prazer, porque o jovem leitor gosta de contemplar as imagens e de admirar as personagens. Mas a leitura tem uma ação muito mais profunda. É uma fonte inesgotável de enriquecimento, favorece o desenvolvimento da imaginação, aguça o sentido crítico e permite à criança tomar contacto com o pensamento humano. Através do livro, a criança aprende a língua, aumenta a cultura geral, abre-se ao mundo e à vida” (Olivier, 1976, p.64).

O contacto com um livro deveria ser sempre um acontecimento importante para qualquer pessoa, especialmente para uma criança e ainda mais quando descobre um bom livro que a cativa a estimula, que desperta o seu interesse pela sua natureza maravilhosa, fantástica, pela sua beleza e pelas suas ilustrações cativantes.

O livro desempenha um papel educativo, recreativo e cultural, é fonte de prazer, porque o leitor gosta de contemplar as imagens e de admirar personagens. O livro permite e favorece à criança o desenvolvimento da imaginação, o sentido crítico e contacto com o pensamento humano (Idem, 1976). Deste modo, verifica-se que é desde a primeira infância que a criança deve contactar com o livro, obtendo a possibilidade de o conhecer para o tocar e explorar.

As crianças aprendem a ler com mais facilidade quando possuem ao seu alcance materiais de leitura e a oportunidade de os explorar, “ter livros em casa, ver os adultos a ler durante os tempos livres e ir à biblioteca é uma boa receita para o sucesso” (APP e APEI, 2005, p.3). Diversas atividades ajudam as crianças na sua aprendizagem com a leitura

“ (…) falar e ouvir falar outras pessoas…brincar com sons e letras, visitar lugares, participar em novas experiências e falar sobre elas e explorar diversos materiais impressos” (Idem, 2005, p.3).

Leia para os seus filhos, porque ao ler, está a brincar, a educar e a proporcionar-lhe o contacto com o maravilhoso.

Felizes leituras em família!

.

.

Bibliografia:

APP E APEI (2005). Porquê ler ao meu Bebé? V.N. De Gaia: Gailivro. (brochura do Projeto “O meu brinquedo é um livro” -Associação de Professores de Português e associação de Profissionais de Educação de Infância).

OLIVER, Camille (1976). A criança e os tempos livres. Mem Martins: Europa-América.

.

 

Pub

Categorias: Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.